GOLPE DO BOLETO - ASSOCIAÇÕES FALSAS

Suspeitos são detidos por "golpe do boleto" Folha de S. Paulo A Polícia Civil afirmou ontem ter desarticulado um grupo suspeito de aplicar o chamado golpe do boleto em São Paulo. Entre terça-feira e a manhã de ontem, a polícia cumpriu mandados de busca e apreensão, apreendeu documentos, 18 computadores e deteve 20 pessoas, que foram levadas à delegacia para depoimento. Segundo a Secretaria da Segurança Pública, os suspeitos são investigados por oferecer serviços gratuitos a empresas se passando por associações e sindicatos e, depois, enviar boletos de cobrança, sob ameaça de levar o caso ao Serasa e ao SPC (Serviço de Proteção ao Crédito).Os valores dos boletos variavam de R$ 100 a R$ 500. As associações eram legalmente registradas e supostamente ofereciam serviços de assessoria contábil, jurídica e financeira. O alvo principal eram empresas de pequeno e médio porte. A pessoa pagava pensando que estava se afiliando a sindicato ou a associação oficial, mas que na realidade não oferecia nada em troca, afirmou o delegado Paulo Roberto Robles, chefe da Divisão de Crimes Contra o Consumidor.

Direitos reservados | 2015 Desenvolvido por :: Consultta.com

2015 Desenvolvido por :: Consultta.com